domingo, 30 de outubro de 2011

Brincadeira Equilíbrio

Quando um educando de cada vez deverá caminhar sobre a fita em linha reta para frente e para traz.
Eles poderão ser dispostos em dois grupos, aquele que não conseguir andar em linha reta para frente ou para traz em cima da linha, terá que dirigir-se ao fim da fila.

Fonte: QUEIROZ, Tânia Dias; MARTINS, João Luis. Pedagogia lúdica: Jogos e brincadeiras de A a Z.1º Ed. São Paulo, Rideel, Sem ano.














sábado, 29 de outubro de 2011

Jogo do Anão

Primeiro toda a turma repete qual é a ordem dos numerais dispostos na folha de E.V.A., depois um educando de cada grupo será escolhido para ser o “Anão”, enquanto os colegas do primeiro grupo ficam de olhos fechados o colega “Anão”, realiza a troca de lugar de alguns dos numerais na folha, em seguida os colegas do seu grupo deverão dizer qual é a ordem correta, em cada rodada do jogo os componentes de cada um dos grupos irá responder.Ou caso a turma seja disposta de forma individual, um em cada classe, um por vez será vendado os seus olhos e o colega seguinte troca alguns numerais de lugar na folha de E.V.A fixada no quadro.É possível também trabalhar as dezenas nesta atividade.

Material: E.V.A e fichas dos numerais de um a cinquenta.

Fonte: QUEIROZ, Tânia Dias, Pedagogia do professor: 1º e 2º Ciclos. São Paulo: Didática Paulista, 1999.




Desenho Coletivo

Deverá ser formado grupos de quatro ou cinco educandos, e para cada um deles será disponibilizado o material necessário, então, o educador solicitará para que começem a pintar em uma folha de ofício branca e algum tempo depois o educador pedirá que eles passem o seu desenho para colega do lado, e que continuem pintando na folha que receberão de seu colega, essa solicitação ocorrerá algumas vezes, até que o desenho retorne para o seu primeiro desenhista.

Logo em seguida o educador solicitará que um de cada vez interprete e socialize a interpretação do desenho coletivo que ele início a fazer para o restante da turma.


Material: Folhas de ofício e lápis de cor.


Fonte: QUEIROZ, Tânia Dias,.Pedagogia do professor: 1º e 2º Ciclos. São Paulo: Didática Paulista, 1999.

Confecção Jogo de Boliche

Confecção do Jogo de Boliche, primeiramente cada um dos educandos recortará duas letras riscadas no E.V.A, após será realizada a colagem destas letras nas garrafas pet (de preferência pelo educador, pois é com cola quente), logo em seguida será colocado em cada uma das garrafas um pouco de pedras coloridas.

Após a conclusão da confecção do jogo as garrafas deverão ser agrupadas, então, os educandos brincam com a utilização do material concreto confeccionado, com uma bola de meia um educando de cada vez lancará a bola para derrubar as garrafas e dependendo do grau de alfabetização que se encontre a criança deverá realizar tentativas de formar palavras ou sílabas com as letras das garrafas que ficarão em pé.


Material: Garrafas pet, E.V.A., cola quente, pedra colorida, meias calça usadas.


Fonte: QUEIROZ, Tânia Dias,.Pedagogia do professor: 1º e 2º Ciclos. São Paulo: Didática Paulista, 1999.

Confecção da Centopéia

Material: Caixa de ovos, cartoplex, lantejoulas, botões, cola, tesoura, tinta guache, pincel, água, jornal.

Fonte: QUEIROZ, Tânia Dias,.Pedagogia do professor: 1º e 2º Ciclos. São Paulo: Didática Paulista, 1999.

















domingo, 23 de outubro de 2011

Bê-a-Bá (Toquinho)

Trabalhei em sala esta canção com a turma do 1º ano do Ensino Fundamental.

Fonte atividades desenvolvidas: QUEIROZ, Tânia Dias,.Pedagogia do professor: 1º e 2º Ciclos. São Paulo: Didática Paulista, 1999.


video

E logo em seguida ao desenvolvimento das atividades utilizando a canção, recebemos o convite para que realizárssemos uma apresentação no Momento Cultural, evento alusivo ao aniversário da escola.


















quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Atividade dirigida "Jogo de estafeta"

Os educandos organizados em fila dupla mista;
Os materiais utilizados: dois bambolês, fita adesiva e seis caixas de fósforos.
Preferencialmente realização da atividade no espaço do pátio da escola.


Os educandos dispostos em dois grupos conforme a escolha de cada um deles, em seguida os primeiros de cada um dos dois grupos, que estarão atrás de uma linha de partida receberão o sinal de largada que será dado pela professora, estes se dirigiram correndo em direção a um dos dois bambolês dispostos em média a uns quatro metros da linha de largara, onde estarão três caixas de fósforos, as quais deverão ser retiradas uma a uma do centro do bambolê, estes dois educandos retornarão para o grupo, na chegada baterão na mão do próximo colega, o qual deverá colocar as caixas de fósforo uma a uma para dentro do bambolê e assim por diante até o primeiro grupo terminar a brincadeira.

Fonte: QUEIROZ, Tânia Dias; MARTINS, João Luis. Pedagogia lúdica: Jogos e brincadeiras de A a Z.1º Ed. São Paulo, Rideel, Sem ano.